Bike Salvador Vai de Bike - Prefeitura Municipal do Salvador Festival premia vídeos sobre ciclofaixas de lazer - Salvador Vai de Bike

 

 Você tem uma boa história pra contar sobre a ciclofaixa de lazer da sua cidade? Filmou cenas que mostram a importância que a ciclofaixa teve na sua vida ou na vida de alguém, ainda que tenha sido com seu celular? Então você pode participar do Festival Vicra – o Festival de Videos de Ciclovias Recreativas das Américas – e concorrer a prêmios de até 1500 dólares (cerca de 3500 reais). E, se você não tem um vídeo pronto, ainda dá tempo de preparar!

 

O Festival, que está em sua primeira edição, tem o objetivo de destacar as transformações culturais e sociais causadas pelas ciclofaixas de lazer, que se espalham por cada vez mais centros urbanos, mudando o estilo de vida das pessoas.

 

Os vídeos, que podem ter de 45 segundos a 5 minutos de duração, devem mostrar o uso, a diversidade, a importância ou qualquer outro aspecto que se considere relevante das ciclofaixas de lazer.

 

Os critérios avaliados para premiação serão: a importância da existência das ciclofaixas, a habilidade de contar uma história de maneira original, a capacidade de incentivar seu uso por novas pessoas e a criatividade audiovisual – fotografia, música, montagem, etc.

 

Serão aceitos vídeos em espanhol e português. As inscrições vão de 01 a 15 de fevereiro de 2014. Veja aqui o regulamento e saiba como participar.

 

As ciclofaixas de lazer


As ciclofaixas de lazer – ou ciclovias recretivas – começaram em Bogotá em 1974, com o fechamento de ruas para que os cidadãos pudessem pedalar, correr e caminhar. Hoje, mais de 100 kms de vias são fechadas na capital colombiana aos domingos, sendo utilizadas por cerca de um milhão de pessoas.

Com o passar do tempo, as ciclofaixas de lazer se espalharam por outras cidades da América Latina. A de São Paulo foi inaugurada em 2009, com a estimativa de receber 5 mil ciclistas por domingo, mas logo na inauguração havia 9 mil pessoas presentes. Hoje estima-se que cerca de 100.000 pessoas pedalem por ela a cada domingo.

 

 

Fonte: vadebike.org